Capítulo 6

Suas roupas haviam sido retiradas e Maria Eugênia estava nua, somente coberta por uma manta velha, de cor vermelha escura. Um líquido saía de dentro de si em direção às suas coxas. Não lhe importava que tivesse sido usada. Tantas vezes fora usada de forma consciente, que, desta vez, inconsciente, esse fato não lhe causava caso nem revolta.

Hoje é sábado e vamos jantar com o “casal straight”, a Silvia e o Henrique, dois advogados muito bem-conceituados que, além de casal, conseguem ser sócios no escritório do pai do Henrique. Eles são um dos únicos amigos “decentes” que ainda temos, ou seja, que não pactuam da nossa “orgia privada”…

Para continuar a leitura acesse:

Próxima leitura -> Capítulo 7

***

Trilha Sonora: Carry You Home – James Blunt

Deixe uma resposta