Meus Sentidos

Seu corpo consome meus sentidos e me leva a um novo patamar de orgasmo. Seu corpo abriga e cuida; acaricia e machuca; facilita e dificulta. Seu corpo faz o meu entorpecer de prazer e entrega novas possibilidades onde antes só haviam dobras e precipícios… seu corpo faz o com que minha vontade aumente a cada movimento seu, a cada curva, a cada toque. Seu corpo dialoga com o meu desejo de uma forma tão, mas tão absurda, que não consigo parar de pensar na maciez branda das suas partes mais escondidas…